Planejamento estratégico aplicado à gestão clínica - Medpedia
17

Planejamento estratégico aplicado à gestão clínica

médico fazendo anotações enquanto usa o celular

Assim como em outras empresas, as clínicas médicas precisam adotar um planejamento estratégico ideal para a gestão clínica. Essas estratégias, quando adotadas pelos médicos, criam oportunidades e preveem riscos para o negócio.

As clínicas médicas buscam elevar sua produtividade sem perder a qualidade dos serviços oferecidos. Para conseguir alcançar essa eficiência, entra em cena o planejamento estratégico, fundamental na gestão clínica. Apesar de parecer um conceito complexo, alguns cuidados facilitam o processo de criação de uma boa estratégia de negócio.

Um planejamento estratégico cria ações a serem seguidas para que as metas estabelecidas previamente sejam alcançadas e, assim, a clínica médica alcance um desempenho favorável. O planejamento começa, portanto, traçando as metas que guiarão a empresa ao patamar desejado.

Quais as vantagens do planejamento estratégico na gestão clínica?

Os benefícios do planejamento estratégico vão além do direcionamento de metas e objetivos, elas envolvem fatores operacionais que ajudam na otimização do tempo, na rentabilidade financeira e na qualidade do atendimento oferecido aos pacientes.

Ter um planejamento estratégico para clínica médica aumenta a produtividade sem deixar que a qualidade dos serviços oferecidos seja afetada. Por isso, ele é essencial para uma gestão clínica compromissada em oferecer cuidado e suporte aos pacientes.

Somado a isso, o desenvolvimento de um plano de ação com estratégias concretas, possibilita também que o médico gestor tenha uma visão mais ampla do mercado e das oportunidades, além de preparar os profissionais de saúde para lidar com eventuais imprevistos.

O médico que executa o planejamento estratégico tem controle em relação às variáveis internas e externas, posicionando-se à frente no mercado da saúde com embasamento nas tomadas de decisões.

Como fazer o planejamento estratégico para uma clínica médica?

O planejamento adotado em clínicas de saúde precisa considerar as particularidades do segmento, para assegurar a sustentabilidade financeira. Etapas que podem ser cruciais para colher bons resultados:

Identidade organizacional

O posicionamento no mercado e os caminhos a se percorrer por uma clínica médica são variáveis definidas em três pilares: missão, visão e valores. A adoção de uma cultura e identidade organizacional faz parte do planejamento estratégico para que uma clínica médica seja reconhecida e torne-se referência.

Planejamento estratégico e operacional

Definidos os objetivos e metas, é preciso criar o planejamento que será adotado. Isso envolve a identificação de todo o cenário atual no qual está inserida a clínica médica. Por isso, é importante entender as especificidades de uma clínica médica para que sejam criadas metas possíveis de serem atingidas. O ponto de partida do planejamento estratégico deve apontar quais os principais problemas e como solucioná-los.

Planejamento financeiro

É essencial para a rentabilidade e a sobrevivência da clínica médica. O gerenciamento financeiro envolve todo cuidado em relação ao fluxo de caixa. Por isso, o médico gestor precisa considerar as despesas operacionais diárias, como insumos, medicamentos, contas, impostos, equipamentos, salários, investimentos, consultas, entre outros. Cabe ainda à gestão financeira a análise dos contratos com as operadoras de planos de saúde.

Plano de ação

É importante manter de forma organizada as atividades que devem ser realizadas. Por isso, o plano de ação define também os médicos e colaboradores responsáveis para desenvolverem cada tarefa. Para atingir os objetivos traçados no planejamento estratégico, é essencial que se cumpram o plano de ação e as estratégias estabelecidas.

Sendo assim, o planejamento estratégico em clínicas médicas promove ações diferenciadas com o objetivo de aumentar a rentabilidade e a qualidade dos serviços oferecidos aos pacientes. O principal ponto é criar um plano que contemple as informações citadas acima e, a partir disso, colocar em prática as ações estabelecidas.

Diante das mudanças na medicina, as clínicas médicas precisam estar preparadas para os desafios futuros e médicos devem estar capacitados para a adaptação. Apesar das dificuldades iniciais ao processo de transição, o planejamento estratégico aplicado na gestão de clínicas médicas beneficia médicos e colaboradores a curto, médio e longo prazo.

Entender as especificidades da gestão clínica é essencial para visualizar as oportunidades. Acesse nossos conteúdos médicos e complemente os conhecimentos em gerenciamento. Contribua para uma gestão eficiente, com benefícios na qualidade do atendimento aos seus pacientes.

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Comentários

Leave a Reply

Posts relacionados

Alterações nos Termos de Uso

Os termos de uso do Medpedia foram alterados. Você pode aceitar ou recusar através do centro de preferências ou através dos botões abaixo. Para continuar utilizando o MedPedia você precisa concordar com os novos termos de uso.